A vida está passando. Por que ter medo?

Vivemos diariamente em conflito, principalmente internos, em que nossa mente refuga ações que o coração faria num piscar de olhos. Muitas vezes o discernimento nos ajuda a tomar as melhores decisões, porém, muitas vezes a decisão corajosa, despretensiosa e repentina se torna a mais acertada. Pensei no últimos dias em muitas coisas que eu deveria fazer, dizer… Depois repensei tudo e resolvi tomar algumas decisões que me colocam em risco eminente, por sinal, mas que eu achei que deveria fazer daquela maneira. E fiz.

Consequências? Depois eu penso nisso. Prefiro pensar que a vida está passando e que não deve haver espaço para dúvidas, sofrimentos, infelicidades. Existem muitas coisas bonitas, muitas pessoas interessantes, muitos sentimentos aflorados e muitas momentos à serem vividos para fazer a vida valer a pena, não pode haver espaço para o medo.

Estou me arriscando a sofrer depois, mas já sofri tanto nessa vida por motivos e pessoas que não valiam a pena, por que não posso arriscar por mim mesmo? A gente sempre pensa nos outros primeiro e depois em nós mesmos, mas qual a razão disso? É a obrigação de querer agradar, querer parecer bom, querer ser melhor para os outros do que somos para nós mesmos. Ta na hora de deixar isso para trás e aproveitar o hoje, o agora. A vida está passando. Por que ter medo?

Etiquetado , , ,

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: